MAIO SUPERA EXPECTATIVAS E PORTO DE SANTOS BATE RECORDE DE MOVIMENTAÇÃO

Complexo portuário conquista melhor marca para o mês e melhor resultado nos primeiros cinco meses do ano

O Porto de Santos alcançou em maio a sua melhor marca para este mês do ano, com a movimentação de 10,0 milhões de toneladas de cargas, 13,7% acima do mesmo período do ano passado (8,8 milhões t). Com este resultado, o complexo portuário santista também alcança sua melhor marca para os primeiros cinco meses do ano, acumulando 45,9 milhões t.

Os números apontam crescimento de 6,6% sobre o ano passado e 3,3% superior ao mesmo período em 2013, quando foi verificado o recorde anterior. Supera, ainda, em cerca de 10% a expectativa inicial da Companhia Docas do estado de São Paulo (Codesp), que havia projetado no início do ano a movimentação de 9,05 milhões de toneladas para este mês.

O ministro dos portos, Edinho Araújo, ressalta que “o aumento verificado nas exportações mostra a capacidade do país e do Porto de Santos em responder positivamente à situações adversas, como a crise internacional que afeta nossa economia”.

O diretor Alencar Costa, em substituição ao diretor presidente, destaca a recuperação que a movimentação de cargas vem apresentando no primeiro semestre deste ano. “Se mantivermos essa performance, certamente, suplantaremos a projeção de 114 milhões de toneladas estimada para este ano”, afirma Costa.

As marcas foram atingidas, principalmente, devido ao aumento de 22,3% verificado nas exportações em maio, totalizando 7,3 milhões t, e 8,6% no acumulado do ano, em relação aos mesmos períodos do ano passado, somando 32,3 milhões t. Já as importações, no movimento acumulado chegaram a 13,5 milhões t, 2,0% superior em relação ao mesmo período do ano passado (13,3 milhões t), registrando, entretanto, queda de 4,3% no movimento mensal (2,7 milhões t), se comparadas com o mesmo mês de 2014 (2,8 milhões t).

No movimento mensal, os principais produtos embarcados pelo Porto de Santos, o açúcar (1,4 milhão t) e a soja (2,4 milhões t), registraram crescimentos de 34,8% e 36,3%, respectivamente. O complexo soja, que agrega os embarques de grãos e farelo, foi o principal destaque do mês, com a movimentação de 2,9 milhões t. A tonelagem é 34,1% maior que o do mesmo mês no ano anterior (2,1 milhões t).

A movimentação de cargas conteinerizadas também foi destaque, atingindo, em maio, 323.564 teu, 7,5% acima do mesmo mês de 2014. A marca é recorde para o mês e confirma a tendência de incremento nesta modalidade de carga em 2015.

Outras mercadorias de exportação também se destacaram no total mensal, apresentando crescimento em relação a maio de 2014. Entre elas a gasolina (151.026 t), 21,7% acima de 2014 (124.120 t), e o café em grãos (132.391 t), 15,7% a mais que no ano passado (114.451 t).

O enxofre também apresenta tendência de alta, com crescimento de 30,3% em relação a maio do ano passado e, no fluxo de importação, foi a segunda carga mais movimentada, com 150.317 t. A carga importada de maior movimentação foi o adubo, com 198.597 t, apesar de apresentar decréscimo de 15,2% em relação ao mesmo mês em 2014.

A movimentação de contêineres no acumulado do ano é a maior já registrada no período, somando 1.517.824 teu, 8,7% acima dos primeiros 5 meses do ano anterior (1.396.189 teu).

Destacaram-se, ainda, no acumulado do ano, no fluxo de exportação, o açúcar (5,9 milhões t), com crescimento de 10,1%, o complexo soja (11,4 milhões t), com 5,7%, o café em grãos (675,8 mil t), com 29,0%, a gasolina (582,8 mil t), com 19,7%, o óleo combustível (1,0 milhão t), com 27,6%, e sucos cítricos (825,9 mil t), com 16,1%. Na importação sobressai-se o minério de ferro (276,4 mil), com aumento de 94,7%.

Fluxo de navios

No total, ocorreram 2.147 atracações até maio deste ano, 0,5% acima de igual período de 2014 (2.136). No mês de maio, o número de atracações ficou estável em relação a 2014, totalizando 429 embarcações, mesma quantidade que no ano anterior.

Balança Comercial

Na balança comercial, Santos apresenta crescimento na participação geral do país alcançando 27,0%, com o total de US$ 41,6 bilhões em cargas movimentadas. As exportações somaram US$ 20,2 bilhões, representando 26,2%, e as importações US$ 21,4 bilhões, 27,8% de participação. A China permanece como principal parceiro comercial nos dois fluxos, liderando com 22,8% nas importações e 15,0% nas exportações, seguida pelos Estados Unidos, com 15,8% das importações e 14,1% das exportações.

Fonte: Export News

MDIC lança Plano Nacional de Exportações

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) lança, nesta quarta-feira (24/6), o Plano Nacional de Exportações. A cerimônia oficial será realizada no Palácio do Planalto, às 11 horas, com a participação da presidenta da República Dilma Rousseff e do ministro Armando Monteiro. Após a cerimônia, o ministro concede entrevista coletiva aos jornalistas presentes.

Fonte:MDIC

MDIC realiza seminário sobre operações comerciais

O Departamento de Operações de Comércio Exterior (Decex) da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) realiza a 34ª edição do Seminário de Operações de Comércio Exterior na próxima terça-feira (30/6). O evento acontece em Curitiba e é uma parceria do MDIC com a Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP). As inscrições são gratuitas e abertas ao público. Acesse o link para saber mais sobre a programação do evento.

O objetivo do Seminário é aproximar o setor público dos operadores de comércio exterior por meio de palestras e atendimentos individualizados. Os participantes poderão conhecer melhor os procedimentos realizados pelo Decex na análise de operações relacionadas a licenciamento de importação, drawback, importação de material usado ou sujeito a exame de similaridade e controle administrativo no comércio exterior. Além disso, também é possível tirar dúvidas a respeito da legislação que ampara o controle administrativo das importações e exportações brasileiras. As empresas podem se cadastrar previamente para participar de despachos executivos - atendimentos individualizados sobre casos específicos -, que serão realizados pelos servidores do Decex durante o evento.

Fonte:MDIC

Ontem (13/05) recebemos a visita do Sr. Juergen Emrich, NDM (Network Development Manager) do grupo Clasquin, em nossa unidade do Rio de Janeiro. A Clasquin é uma empresa francesa com 47 escritórios ao redor do mundo, sendo 11 apenas na França, incluindo a matriz principal que é localizada em Lyon. O objetivo principal da visita foi a oficialização da cooperação mútua com foco em vendas e geração de negócios northbound e southbound entre nossas unidades e a Clasquin, com quem já trabalhamos em exportações destinadas ao Japão.


Na foto à esquerda, temos  Luciane de Jong e Jurgen Emrich. Na foto à direita, Maurício W. de Jong e Jurgen Emrich.





LINK na Canton Fair 2014

LINK na Canton Fair 2014

A Canton Fair é a mais ampla feira de negócios do mundo e tem duração de 3 (três) semanas, iniciando no dia 15 de Abril e terminando dia 5 de Maio. Ela é multisetorial, havendo tanto um setor de alimentação como de químicos, bens, maquinários e afins. É a feira mais expressiva da China e envolve empresários de todo o mundo interessados na obtenção de novos clientes e no desenvolvimento de novos parceiros nesta área.
A Link Global, rede de agentes da qual a Comissária Ultramar faz parte representando o Brasil, terá a feira como primeiro evento do ano. Agentes de cargas provenientes de todo o mundo irão participar.








Para mais informações sobre a feira: http://linkglobal.com/news/item/275-canton-fair-april-2014

Aumento das taxas para fretes internacionais partindo da China


Governo chinês implementa cobrança do VAT (Imposto de Valor Acrescentado) para 6% em todos os fretes internacionais China/Brasil. A medida entrou em vigor no dia 01 de agosto desse ano.





Comissária Ultramar de Despachos Internacionais marcou presença na Brasil Offshore

Comissária Ultramar de Despachos Internacionais marcou presença na Brasil Offshore Feira e Conferência Internacional da Indústria de Petróleo e Gás, realizada nos dias 11 a 14 de Junho em Macaé (RJ).



QUIP formaliza a entrega da Plataforma P-63




Na manhã do último dia 14, em cerimônia interna a QUIP formalizou a entrega da plataforma P-63 para a Petrobras.
Agora, a plataforma P-63 se prepara para deixar o cais da QUIP em Rio Grande com destino à Bacia de Campos, no Campo Papa Terra, onde produzirá 140 mil barris de óleo e um milhão de m³ de gás por dia. A saída da plataforma podia ocorrer a partir do último sábado, dia 15.

A Ultramar participou deste projeto com a coordenação de todo o processo de DRAWBACK SUSPENSAO INTEGRADO e EXPORTAÇÃO FICTA das Unidades de tratamento de água oleosa compostas por 3 sistemas de flotação de gás presentes na plataforma.  Esse procedimento aduaneiro é normal para que o exportador obtenha suspensão dos impostos de importação assim como credito do IPI na revenda do material quando na exportação à plataforma em construção.


Brail Offshore 2013

Visite-nos de 11 a 14 de Junho na Brasil Offshore Feira e Conferência Internacional da Indústria de Petróleo e Gás, que é realizada a cada dois anos em Macaé - RJ, base das operações e responsável por mais de 80% da exploração Offshore do Brasil. O evento atraiu em 2011, uma visitação superior de 50.000 profissionais e 636 expositores.

Mais informações em http://www.brasiloffshore.com


Offshore 2013 - Ultramar


Ano do Brasil em Portugal

A Ultramar realizou a operação logística do material cenográfico que será utilizado em várias peças teatrais durante os festejos do Ano do Brasil em Portugal. Entre as peças teatrais brasileiras que serão encenadas em Portugal, destacam-se "A Mulher Sem Pecado" e "O Amargo Santo da Purificação".

A Ultramar também realizou o envio de parte do cenário para o show de Maria Bethânia, que encerrará a programação artística brasileira em Portugal.

O Ano do Brasil em Portugal, que será realizado até Junho deste ano, abrange uma vasta gama de expressões artísticas brasileiras e inclui apresentações de circo, shows de diversos nomes consagrados da música popular brasileira e espetáculos de teatro e dança.